A Terra é plana, já diziam os medievais

Areopago-David-Terra-Plana

O título deste artigo teve a única intenção de chocá-lo e instigar a sua curiosidade, caro leitor. Também choquei minha esposa quando lhe disse que escreveria sobre esse tema. Ela me confidenciou que a princípio achou que eu havia perdido a sanidade ou o senso do ridículo. Contudo, logo a acalmei revelando minha real intenção, a qual, caríssimo leitor, ficará clara ao final do texto.

Não, a Terra não é plana, ela possui o formato quase esférico, não é uma esfera perfeita, mas é, sem dúvidas, redonda1. De fato, o título deste artigo possui não uma, mas duas mentiras flagrantes. Contudo, enquanto a primeira (“A Terra é plana”) é quase unanimemente denunciada, a segunda (“os medievais acreditavam que a Terra é plana) facilmente passaria como verdade. E qual é o motivo disso? Certamente, pela noção, muitas vezes difundida, de que a Idade Média foi um período de grande ignorância e atraso, no qual superstições se passavam por conhecimento científico e, através da manipulação da Igreja, a interpretação do mundo real estava condicionada à Bíblia.

Acima estão presentes os dois problemas que gostaria de abordar: primeiro, se os medievais sustentavam a ideia de uma terra chata; segundo, se a Bíblia era a fonte para sustentar tal ideia. Começarei, entretanto, pelo segundo problema, uma vez que a Bíblia é anterior ao período medieval.

Qual o formato a Terra tem na Bíblia?

Antes de qualquer coisa, é preciso dizer, mesmo que a exaustão, que a Bíblia não é um manual de ciências naturais, com efeito, o hagiógrafo não possui a intenção de dizer qual o processo biológico pelo qual a vida surgiu ou em qual fase geológica apareceram as montanhas. A intenção do escritor sagrado era teológica, isto é, ele queria registrar a relação que existe entre Deus e a Criação. Por essa razão, é possível que se encontre nas Sagradas Escrituras alguns elementos, algumas visões de mundo que não convergem com aquilo que propõem as ciências naturais.

Há que se ter claro que Deus utiliza de mediações humanas para Se revelar (PONTIFÍCIA COMISSÃO BÍBLICA, 2010, p. 133), ora, entre essas mediações estão a linguagem, a escrita e as visões de mundo. Como são eminentemente humanas, as mediações possuem limitações. Não obstante a isso, a Revelação não sofre prejuízos, pois aquilo que é essencial Nela é transmitido.

Dito isso, aquilo que lemos nas Páginas Sagradas nos leva a crer que o homem bíblico, sobretudo o do Antigo Testamento, pensava que a terra possuía forma plana. Isso é o que nos sugere o professor Ulisses Quintão de Carvalho (2019, p. 117), aliás seu excelente estudo “O cosmos bíblico e sua representação no esquema do tabernáculo” demonstra que para os hebreus o Templo de Jerusalém era uma “miniatura” do mundo, na qual as paredes representariam as extremidades da Terra; a cúpula, o domo do céu e o Santo dos Santos, a localização do Jardim do Éden.

É preciso, no entanto, deixar claro que pensar que o planeta fosse assim não era exclusividade do povo hebreu, outros povos antigos imaginavam o mundo da mesma maneira e faziam as mais variadas analogias para explicá-lo.

“Em várias mitologias, a Terra ganha formas poéticas, não raro antropomórficas” (ECO, 2013, p. 11). De acordo com a mitologia nórdica, a Terra foi formada a partir dos restos do cadáver do gigante Ymir, derrotado por Odin, o maior de todos os deuses: de sua carne, foi feita a terra; de seus ossos e dentes, as pedras e as montanhas; de seu sangue, o grande oceano que cerca Midgard, ou o reino onde habitam os filhos dos homens (LINDOW, 2002, p. 228). Entre os inúmeros relatos recolhidos pelas mais diversas tradições, encontra-se o de uma lenda oriental, segundo a qual “a Terra se equilibrava no dorso de uma baleia, sustentada, por sua vez, por um touro com as patas apoiadas numa rocha, […] sob a qual ninguém sabia o que havia, senão o mar do infinito” (ECO, 2013, p. 11). (CARVALHO, v. 24, n. 2, p. 113-123, jul./dez. 2019, p. 115)

Se a Bíblia diz que a Terra é plana, os medievais também? Errado!

Apesar da cosmologia veterotestamentária2 traduzir a Terra de acordo com a visão de mundo do homem antigo e apesar do mundo medieval ser bastante influenciado pela Bíblia, na Idade Média já se tem a ideia de que o planeta seja redondo. Curiosamente a própria Bíblia contribui para isso, por mais paradoxal que possa parecer.

A versão bíblica mais utilizada durante o medievo foi a Vulgata de São Jerônimo. Ao traduzir Provérbios 8, 30-31 do hebraico para o latim, o Padre utiliza o termo latino orbe (ou seja, globo) para se referir à superfície da terra. Jerônimo viveu no século IV de nossa Era, a essa altura os eruditos, influenciados por Aristóteles, Erastóstenes e outros, já compreendiam que o planeta não era um corpo plano, mas esférico. A título de curiosidade, em meados do século III a.C., o próprio Erastóstenes calculou a circunferência da Terra usando apenas um graveto e a luz do Sol. Ele errou por pouco.

Ora, a sociedade medieval não era legatária apenas da religião cristã, mas também foi forjada sob influência dos pensadores antigos, entre os quais se contavam os mesmos Aristóteles, Erastóstenes e outros. É verdade que com o advento da Idade Média houve certo retrocesso cultural, mas essa realidade não foi absoluta, muita coisa da Antiguidade Clássica foi preservada.

Para que se tenha claro que o medievo já se apropriara da esfericidade da Terra passemos a alguns exemplos:

Tanto o astrônomo como o físico chegam à mesma conclusão: a terra é redonda. Mas o primeiro se utiliza de um raciocínio matemático, que prescinde da matéria; ao passo que o físico por um raciocínio que tem em conta a matéria. (I, q1, a. 1, sol. 2)

Suma Teológica, Santo Tomás de Aquino

Segundo Régine Pernoud, importante historiadora francesa, Bruneto Latini “explicava a seus leitores, em meados do século XIII, a redondeza da Terra” (PERNOUD, 1994, p. 119). No canto XX da Divina Comédia, também Dante Alighieri se refere ao planeta como um globo. E muitas vezes, em imagens medievais, personagens de grande relevância (como Cristo, a Virgem e Carlos Magno) aparecem segurando uma bola, algo que indica sua autoridade sobre o mundo, representado justamente por uma esfera, não por um disco.

Carlos Magno segurando uma orbe, século IX

Penso que os exemplos apresentados são mais que suficientes para desfazer o equívoco de sustentar que a ideia de Terra plana seja fruto de uma mentalidade medieval. Aliás, seria ótimo se parassem de usar o termo “medieval” para adjetivar tudo aquilo que parece retrógrado, supersticioso e preconceituoso. O uso exaustivo desse recurso retórico pode indicar justamente um preconceito. Nem todas as ideias atrasadas que surgem e são defendidas na atualidade tem sua origem na Idade Média. Pelo contrário, ideias absurdas nascidas na Idade Contemporânea, como foi a eugenia, causariam horror aos medievais enquanto o terraplanismo causaria riso.

Bem, alguém ainda poderia insistir que citei apenas as opiniões de eruditos da Idade Média e que talvez o populacho pensasse que a Terra fosse achatada. Essa, de fato, é uma possibilidade que não deve ser descartada, embora seja quase impossível de se provar devido à escassez de fontes (a opinião da plebe dificilmente era registrada). Contudo, vale ressaltar: se havia medievais terraplanistas, provavelmente a única coisa que possuíam eram forcados e charruas e gastavam a maior parte de seu tempo trabalhando duro. Enquanto isso, os defensores da Terra Plana da atualidade possuem sites, canais no YouTube e realizam até encontros internacionais.3

Notas
1) Sugiro esse artigo para que se veja como seria a forma real do planeta: https://socientifica.com.br/nem-plana-nem-circular-voce-sabe-a-verdadeira-forma-da-terra/. , acesso em 23/06/20, às 23h00.
2) Veterotestamentário é aquilo que se refere ao Antigo Testamento.
3) Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/brasil-41261724. Acesso em: 24/06/20, às 03h10
Referências:
1) ALIGHIERI, D. A Divina Comédia. São Paulo: Atena, 1955.
2) TOMÁS DE AQUINO. Suma Teológica. 3ª. ed. São Paulo: Loyola, v. I, 2009.
3) CARVALHO, U. Q. O cosmos bíblico e sua representação. Caminhando, v. 24, n. 2, p. 113-123, jul./dez. 2019. Disponivel em: https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/Caminhando/article/view/9825/7076. Acesso em: 24 Junho 2020.
4) PERNOUD, R. Idade Média: o que não nos ensinaram. 2ª. ed. Rio de Janeiro: Agir, 1994.
5) PONTIFÍCIA COMISSÃO BÍBLICA. A interpretação da Bíblia na Igreja. 9ª. ed. São Paulo: Paulinas, 2010.

Separamos outros artigos que talvez possa interessar

6 respostas em “A Terra é plana, já diziam os medievais”

O Davi, tudo bem comigo

espero e desejo o mesmo para você também

Desculpe, o que escrevi não foi com intenção de rebater o que você escreveu e nem pessoal, só trouxe algumas coisas por ser diferente, e o tema ser terra plana, minha intenção foi só de colaborar, por ser diferente daquilo que a gente aprende desde de criança e talvez sirva ou não a quem precise, pois toda moeda tem dois lados e maioria só conhece um lado porque é oposto a ela, eu quis trazer um pouco desse lado e o videos também.

Eu já estudei astronomia, astrologia

“Semana passada, por coincidência, assisti à entrevista que um grupo de terraplanistas deram ao Danilo Gentili, eles não conseguiram dar respostas plausíveis nem às perguntas do apresentador e do Roger. Em vez de responderem claramente às questões, preferiram desviar o assunto e falar de um grande complô para nos afastar da “verdade”. ”

Eu assisti também, só que ali não deram oportunidade de responder, para responder os terra planistas teriam de mostrar e o programa já estava terminando, mais foi dada a resposta na pratica , porque o Roger afirmou que não era possível, e no experimento que o rapaz fez mostrou que é possível sim e todo mundo poder replicar caso queira.

Está aqui, é um video curto mas bem esclarecedor

https://www.youtube.com/watch?v=MaYdKA3zjog

E se uma hora sem compromisso você quiser asssitir os videos, verá que tem muita coisa diferente daquilo que a gente está acostumado aprender, eu sou formado em eletronica, eletricidade e programação estou dizendo isso não para me gabar, mas sim para testificar que as coisas ali tem lógica nessa área, se não tivesse lógica cascava fora.

Estão é isso fique com Deus

Bem se vocês observam a planitute do oceano a sua frente, isto já é uma prova incontestável que todos nós moramos numa terra de formato plano por isso aguá está nivelada e não não moramos em bola nenhuma, porque no topo da bola é polo norte, e todos nós sabemos que não moramos nem perto do polo norte. E outra coisa, agua nivelada numa bola é dificil de engolir, alíais, agua curvada não é agua plana e nem nivelada e nunca vai ser, que ciência que essa?

Caríssimo Isaías, boa tarde.
Espero que você esteja bem.

Bem, o texto que escrevi se preocupa com as questões históricas mais do que com as questões físicas. Não me preocupei em trazer as provas da esfericidade do planeta, mas em deixar claro que os medievais não eram terraplanistas (digo de maneira geral).

Como minhas áreas são História e Teologia e não Física ou Astronomia, não sou a pessoa mais indicada a responder as questões relativas a esses assuntos. Conheço apenas o básico. Aquilo que provavelmente você contesta.
Como não sou um experto nas áreas, arriscar-me-ia a dizer que o que sustentam as águas em volta do globo (formando uma “bola de ‘água'”) é a força gravitacional, a qual atrai toda a matéria próxima para o seu centro. Contudo, certamente você contestaria e citaria cálculos que eu não sou capaz sequer de ler, quem dirá de responder.
Eu diria que a prova que a Terra é esférica é o fato de que, ao sumir no horizonte, um navio esconde primeiro o casco que o mastro. Você me diria que o fenômeno acontece por causa da refração que afeta a visão humana e que usando uma luneta é possível “resgatar” o navio. Minha tréplica sustentaria que o “resgate” é feito justamente pela refração, a qual possibilita que a visão “faça a curva”. Todavia, novamente viriam os cálculos que não posso decifrar.
Eu tentaria argumentar que, se usássemos o modelo da Terra-plana teríamos dificuldade de explicar por que então vemos o Sol tracejar uma linha adjacente ao horizonte no céu e não uma paralela. Veja, se o Sol gira de acordo com o esquema da Terra-plana, então em alguns momentos do dia o veríamos no Norte e no Sul, porém só o vemos no percurso Leste-Oeste, atravessando o “domo” do céu. Entretanto, caso fizesse essas afirmações, você traria mais informações, as quais eu não saberia responder.

Além disso, uma vez que sou leigo, de qualquer forma eu teria que fazer uma escolha, entre aqueles que afirmam que a Terra é uma orbe e os que dizem que ela é um disco. Até o momento eu faço a escolha pela tese que me apresentou os melhores argumentos, ou seja, que a Terra é redonda. Sim, é verdade, você nos mandou uma série de material e afirma que eles provam a planicidade (o corretor não reconhece esta palavra) da Terra, porém também tem um monte que pretendem provar o contrária. Então, mais uma vez, tenho que fazer a escolha. Eu opto pelo conhecimento que passa pelo crivo de rígidos critérios e metodologias.

Semana passada, por coincidência, assisti à entrevista que um grupo de terraplanistas deram ao Danilo Gentili, eles não conseguiram dar respostas plausíveis nem às perguntas do apresentador e do Roger. Em vez de responderem claramente às questões, preferiram desviar o assunto e falar de um grande complô para nos afastar da “verdade”. Isto é, não conseguiram refutar nem as objeções de leigos semelhantes mim.

Portanto, eu sugiro que , para se aprofundar nas questões concernentes à astronomia, você procure um físico ou, se preferir algo mais específico, um astrônomo. Se tiver alguma objeção a algum dado histórico que o texto apresente, então poderemos conversar.

Finalizo dizendo que, devido a minha referida ignorância, continuarei a fazer a opção por acreditar naqueles que sustentam que Terra é semelhante a um globo. Entre os quais estão os medievais.

Sem mais.

Que Deus derrame a Graça sobre você e sua família.

Disseram e dizem realmente a verdade sobre
o formato do planeta onde você vive?

Desculpe a você que está lendo não é pessoal e nem dirigido a você e sim a todo sistema
educacional, onde nosso dinheiro está sendo investindo e muitas vezes com muito
trabalho e muito suor e não caindo do céu e nem nascendo em árvores, para auto custo
das mensalidades escolares.
Fiquei com uma dúvida se a ozonosfera, camada de ozônio, camada de ozono tem um
buraco, porque todo gás não foi sugado ou destruído pelo vácuo?
E como vácuo permite ou permitirá sua restauração, já que se trata de gases?
Interessante também como pode existir tantos gases que separam o ar atmosférico do
vácuo do espaço e todas elas serem insuperáveis em poder para suportar toda força do
vácuo, o vácuo de todo universo em expansão deve ser muito fraquinho ou a atmosfera
da terra ser muito poderosa, então porque será que a atmosfera da terra não suga todo
vácuo do universo?
Acho que só na base da fé ou da teoria dos cálculos avançados dos antigos sábios
cultuados até hoje como semideuses e que nem cinza existem mais que terá respostas
para isso (lógico que o médium crente tem de fazer uma sessão espírita para receber
mensagens, para conseguirem responder essas questões, porque provar para eles é
muito complicado, e não é demonstrável fora dos livros e dos cálculos avançados e das
sessões espíritas), parece até filme de ficção científica, ou aqueles desenhos de faz de
contas.
Vamos supor que uma pessoa está na praia observando o navio a sua frente sumindo no
horizonte do oceano
Opção A: O navio está descendo pela curvatura do planeta?
Opção b) O navio não está descendo pela curvatura do globo, porque a terra é plana?
Se a opção escolhida foi a opção A
Como então á água está chegando até a praia onde está o observador, água está subindo
pelo globo e chegando até a praia onde está o observador?
Desculpe discordar das teorias dos semideuses do passado, mas água não sobe, ela só
desce até se nivelar. E o navio não está descendo?
Não existe no planeta correnteza de água que sobe, a não ser com ajuda bombas
mecânicas, será que se fazendo uma sessão espírita corretamente e com mais guias
incorporados eles terão provas e não teorias matemáticas para mostrar?
Se a opção escolhida foi a B – É o que penso também toda água dos oceanos estão
totalmente niveladas no nosso planeta que é totalmente plano, assim como ficará se
encher de água, um balde, copo, um globo de vidro de lampadas, uma caixa d’água, só
assim podemos e conseguimos medir o nível dela em qualquer localidade do planeta, e
da mesma forma nivelar as bases de qualquer construção em qualquer localidade do
planeta, e o navio sumiu da vista do observador foi pela perspectiva, baixa capacidade da
visão humana, poluição, densidade atmosférica…
Hoje não se pode ter mais desculpas para não se verificar a esfericidade do planeta como
na época dos semideuses idolatrados das teorias, hoje existe todo tipo de aparatos
eletrônicos como por exemplo o lazer e trenas eletrônicas, etc, então é falta de vontade
ou medo mesmo da verdade.
Talvez lá na página 70 dos livros dos mortos pode ter as provas de tudo que é mostrado
nos livros escolares referente ao modelo terra globo, porque nos livros dos vivos só tem
teorias.
“A uma grande distância e uma grande diferença entre teorias e provas científicas onde
qualquer pessoa possa reproduzir e verificar e reproduzir.”
É possível se nivelar algo no planeta bola que não esteja no topo da bola, se não como
todos engenheiros e construtores conseguem nivelar todas as bases de todas edificações
em qualquer localidade do planeta, se todas as bases precisam estar totalmente nivelada
horizontalmente ? ( minha casa e imagino que da maioria não foi erguida no topo de
nenhum planeta, não está perto dos polos e não somos vizinhos dos pinguins)
Pelas laterais do planeta no formato de um globo acho que seria impossível se nivelar a
base de qualquer construção horizontalmente, só se todas as construções tivessem suas
bases todas niveladas fora do planeta, e ainda mais que o planeta gira no sentido de
oeste para leste, minha casa então não estaria nivelada com o planeta porque minha
residência não fica no topo da bola e nem perto do polo, e sim estaria encostada nela
verticalmente e se eu fizer um buraco no chão pode ser perigoso sair levitando pelo vácuo
do espaço, abaixo dos meus pés. (Muito fácil fazer uma experiência precisa apenas de
uma bola de plástico cheia de ar e um nível de pedreiro, peça aos professores nivelarem
algo horizontalmente nas laterais ou embaixo da bola usando o nível de bolha de
pedreiro, lógico que não vão conseguir, apenas conseguirá se objeto for colocado no topo
da bola )
Sistema educacional a Terra é Plana desde que mundo é mundo, você o grande sistema
educacional conseguiu arrendondar o planeta quadrado ou pizza de antes do navegador
Colombo, porque naquela época você e as igrejas riram bastante, chamaram ele de
maluco e que se navegassem até beira era perigoso cair do quadrado ou da pizza.,
descobrir as Américas seria coisa de maluco né sistema educacional, maçonaria e igreja
católica?..
Agora no modelo terra plana não tem esse perigo de se cair porque existe um domo
invisível que Deus colocou está escrito em gêneses, para separar as águas primordiais e
proteger toda vida dessas águas e super-resistente da qual nem um ser humano
consegue passar, para passar tem quebrar ou destruir, ai estaríamos todos lascados.
Estamos todos no aquário ou estufa de Deus.
E as únicas coisas que se movimentam é justamente o domo onde se encontra as
estrelas, e o sol e a lua também giram em torno da terra, enquanto nosso mundo está
paradinho da silva. Nosso planeta não se movimenta e nem gira um mm sequer pra lado
nenhum, quem não acredita deixa um prumo não magnético suspenso, e coloca uma
filmadora gravando durante o dia, e pode ficar o dia inteiro assistindo esse vídeo que não
observará o prumo se deslocando pra lado nenhum.
Mais uma prova, se o planeta estivesse girando no sentido oeste leste constantemente,
todos ventos no planeta deveriam ser constantes, no entanto não é isso que acontece,
pode se observar pelos galhos e pelas folhas das árvores que os ventos não são
constantes, e pode se observar também ventos norte-sul num planeta que
constantemente gira no sentido oeste leste.
Quem não teve curiosidade, verifique a velocidade aceita pela ciência da rotação do
planeta terra, a rotação do planeta é superior a velocidade do som, então é uma
velocidade muito alta, pra ninguém sentir um só fio de cabelo se mexer com seus ventos,
ou de não discernirmos se estamos em pé, deitado, em cima ou embaixo de suposta bola
que gira mais rápido que a velocidade do som.
Agora se os ventos não estão sobre a superfície do planeta eles deveriam estar no topo,
como então os foguetes conseguem transpor esses ventos sem se rebentarem ou serem
jogados para outros lados?
Como os foguetes a base de combustível como o da primeira ida do homem a lua pode
voar pelo espaço se ali é supostamente vácuo, no vácuo não poderia ter combustão de
nada por não existir oxigênio para queima do combustível, e como o sol ter manchas
solares se onde ele se localiza no sistema terra globo é vácuo também?
Já li muitas vezes que o sol é atômico tudo bem, mas como explicar as manchas das
labaredas, se é atômico?
Como pode a lei da gravidade ter tanto poder de segurar e manter milhares de toneladas
de litros de água dos oceanos, presos num planeta supostamente num planeta com
formato de globo e não ter força nenhuma sobre as nuvens de se carregarem de água de
chuva, dos vapores das chaleiras de subir até as nuvens, do balão de voar, do peixe de
nadar?
Eles devem ser bem mais leves que toneladas e toneladas de águas dos oceanos será
que é Davi contra Golias, só pode.
Porque será que todos os níveis de marcação de altitude estão sempre na faixa positiva
entre 0 e 1000 metros ou mais de altitudes em relação ao nível do mar, isso é observável
em todas as placas nas estradas, nunca vi uma placa de estrada indicando do nível 0 a
-1000 ou mais negativamente quando estamos viajando de uma cidade para outra, cadê
a escala negativa já que o formato supostamente da terra é de um globo?
Porque será então que todas as pessoas que moram nas localidades litorâneas não
precisam descer mais nenhuma ladeira da circunferência do globo para se chegar a
nenhuma localidade povoada mais abaixo geograficamente, já que todos todos nós
supostamente vivemos num planeta no formato de globo ou no lado leste ou oeste dessa
bola , e não moramos nem polo norte e nem no sul, nem em cima e nem baixo da terra e
sim nas laterais dela.
Mais abaixo do nível zero na Terra plana está totalmente em com a concordância com a
realidade dos nossos sentidos abaixo desse nível só a população de peixes, crustáceos,
algas marinhas,…. dentro dos oceanos, quem sabe no futuro as pessoas consigam criar
uma cidade aquática.
Que legal seria se nós morássemos numa bola gigante que gira mais rápido que a
velocidade do som ai bastaria apenas dar apenas alguns pulos para que o mundo todo
passasse por debaixo de nossos pés, pra que carro, moto, bicicleta, avião, helicóptero, ou
gastar dinheiro com petróleo se com apenas alguns pulos que dessemos bastaria para
estar em qualquer localidade deste planeta.
Acorda Sistema global educacional, Psiu a Terra é plana!!
Aqui uns vídeos bacanas para vocês que não conhece sobre a terra plana e seus
conceitos
200 PROVAS DE QUE A TERRA NÃO É UM GLOBO – DUBLADO
https://www.youtube.com/watch?v=7kYyMlQwo4M
PROFESSOR TERRA PLANA – O Sol Elétrico Da Terra Plana
https://www.youtube.com/watch?v=YkIlaVdO8P8
LUA: ATERRAMENTO ELÉTRICO DO SOL
https://www.youtube.com/watch?v=eu60Rfry6cc
TERRA PLANA/Sol filmado da janela de avião
https://www.youtube.com/watch?v=beXJX8Y1nrE
CANAL CIÊNCIA DE VERDADE
https://www.youtube.com/c/CienciadeVerdade/playlists
CANAL – O PROPAGADOR DA REAL –
https://www.youtube.com/channel/UCKpBN-WmiH7heSqGrgQIDuQ/videos
O SOL VERDADEIRO – IMAGENS INÉDITAS !
https://www.youtube.com/watch?v=CY4Q54PaYR0
TERRA PLANA _ IMAGENS REAIS DE PLANETAS E ESTRELAS HD
https://www.youtube.com/watch?v=cRlkTfS3dm0
(EXPERIÊNCIA EFEITO DAS MARÉ POR MAGNETISMO)
https://www.youtube.com/watch?v=MaYdKA3zjog

Perfeito! Para que não nos deixemos levar pela errônea ideia sobre a Idade Media como período de trevas cultural. Algumas teses hoje defendidas parecem gestadas no período da pedra lascada. Lance genial do David Cordeiro pelo provocativo título!

[…] Estimado leitor, estimada leitora, o presente artigo, quer chamar a sua atenção, para a necessidade de termos momentos de “solidão”, mas não solitários. No decorrer da leitura vocês perceberão qual a diferença entre solidão e solitário. Aqui está apenas um exemplo, de momentos de contemplação, existem várias técnicas de leitura orante, contemplação, (tão necessárias para estes tempos tão tenebrosos que estamos vivendo) que, a bem da verdade, não são modas dos dias atuais, mas já nos foram passadas desde a Idade Média. Por falar em Idade Média, sugiro que leiam o artigo do nosso amigo e irmão David Cordeiro, aqui. […]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.