Página Inicial

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print
Areopago-Irineu-Pagina-Inicial
Você pode também escutar esta crônica na voz de “Gilberto Macedo”

“Este lugar abençoado nos traz de volta às nossas origens. Parece que voltamos para casa”, disse o Papa Francisco, cercado por cristãos, muçulmanos e membros de muitas minorias do Iraque. Sim. Ele foi inclusive à terra onde nasceu Abraão (antiga cidade de Ur).

Recordamo-nos, então, da leitura do Gênesis 12, 1-2: “O Senhor disse a Abrão: ‘Deixa tua terra, tua família e a casa de teu pai e vai para a terra que eu te mostrar. Farei de ti uma grande nação; eu te abençoarei e exaltarei o teu nome, e tu serás uma fonte de bênçãos'”.

Abraão estava com 75 anos quando recebeu esta ordem do Senhor. Abraão ainda não tinha filhos. Veio a ter o primeiro filho, por causa da esterilidade de Sara, com a escrava Hagar. Colocou o nome de Ismael. Não era, no entanto, o filho da Promessa. Os que descendiam de Ismael formaram um grande povo que veio a se constituir nos que professam o Islamismo, isto é, o povo muçulmano.

Com 100 anos, a esposa Sara (antes estéril) deu um filho a Abraão, cujo nome dado foi Isaque. Este sim era o filho da Promessa. Seus descendentes formaram o povo hebreu – José, pai adotivo de Jesus veio dessa linhagem.

Abraão, portanto, é considerado o Pai da Fé. Aquele que vivenciou o agir de Deus em sua vida: inclusive pelo episódio do “sacrifício” do filho Isaque (Gn 22,1-19), por todos conhecido.

Abraão foi o patriarca de três das grandes religiões monoteístas: Islamismo (de Ismael), Judaísmo e Cristianismo (de Isaque).

O Papa Francisco, então, quis visitar a página inicial, o local de origem do grande patriarca, o que é algo muito importante. Sim, toda a vez que ficamos meio desorientados (não é o caso do Pontífice), um dos recursos eficazes é buscarmos o ponto onde tudo começou.

“Mutatis mutandis”, sobre página inicial, lembrei-me de um episódio.
Habituara-me usar o celular para postar minha crônica/reflexão diária numa rede social. Certa feita, por conta de um fim de expediente diferente, acabei deixando o celular com a bateria fraca, no ambiente de trabalho.

Lembro-me de que no equipamento não usual, demorei a descobrir o local “No que você está pensando?”

Cá entre nós, a vida é assim mesmo! Eu, na terceira idade, tenho dificuldade com a tecnologia. E nem me esforço tanto, é verdade. Depois de muito procurar, não tenho pejo em confessar, acabei chegando à página inicial. E não é que ali estava o espaço em branco, sorrindo para mim? Pensei com meus botões: O segredo é ir sempre à página inicial!

Então, no final das contas, quando tudo parece sem sentido, procuro sempre a página inicial e quando a encontro, no primeiro versículo da Bíblia Sagrada leio “No princípio, Deus criou o céu e a terra. A terra estava sem forma e vazia; as trevas cobriam o abismo e o Espírito de Deus pairava sobre as águas. Deus disse: “Faça-se a luz!. E a luz foi feita.” (Gn 1, 1-3).

A tal evento dá-se o nome de “Criação ex-nihilo” em latim que significa “do nada”, então o Senhor criou tudo do nada. Das trevas, pela palavra, fez-se a luz.

Assim, a criação de qualquer texto e a crônica que publico nunca é “do nada”. É do imenso baú de pensamentos, palavras e significados que se faz a escolha e combinação. Nunca é “ex-nihilo”, sempre tem a origem. Do nada, só Deus pode criar.

O Altíssimo é quem dita o conteúdo principal. O verdadeiro Autor.

Às vezes não ouço direito, fica meio confuso o texto. Ele me dá chance de enfeitar a mensagem com o sopro benfazejo do Espírito que inspira e orienta.

Como o Papa Francisco nos orienta, de ouvido atento, atuo sempre como servo obediente.

Persistentemente…

Separamos outros artigos que talvez possa interessar

12 respostas em “Página Inicial”

Sempre ouvi que todos temos dons. Mas penso que nem todos conseguimos descobrir quais são e o mais difícil ainda: executá-los para que sejam perceptíveis aos outros . O do escritor se revela a cada texto/crônica publicado. Fácil e gostoso de ler, mas difícil de copiar ou fazer. E sei que sempre é feito com muito carinho e com muita vontade: por isso que é dom, senão seria obrigação. Que Deus continue abençoando esse seu dom!

Com certeza a primeira inspiração vem sempre de Deus e você consegue captar conteúdos ricos e interessantes e nos blindar de uma maneira simples nos levando à uma boa reflexão!
Parabéns, obrigada!
Que Deus o abençoe!

Bom dia a todos e a todas: Giba, Irineu, Giselly, João, Natércia, Reg., Ruiz, José, Luiz e Vera…”-ñ é sardinha e nem puxa lata”, mas o Sr. Gilberto se não for do rádio, já profetiso, será. Sua voz é maravilhosa e é claro ao pronunciar às palavras. Parabéns! Fiquei com duvidas, penso que não se cria nada do nada, ex. pra Jesus curar alguém, esse precisou tá doente, para o homem ter vida e voz… foi preciso o sopro (bênção) do Criador e por fim para fazer o risco preto ou azul.
…precisou da página em branco e por aí vai…ótima Quaresma pra todos; ótimas reflexões c’f; 2021/03/17

Os seus textos são sempre expiradores sr. Irineu, nos dá força para caminhar e seguir sempre em frente com muita fé! Por coincidência o meu sobrinho se chama “Isaque” e veio para nos trazer muita alegria!

Quem dita o conteúdo maus importante é sempre Deus, o espírito nos ajuda muito em nossos conteúdos importantes porém menores.
Só através da fé podemos ser melhores. Parabéns Irineu homem de muita fé.

Que a luz divina sempre ilumine sua mente e sua vida meu amigo para que você possa nos presentear com essa suavidade em cada texto que pública.

Calem-se as armas! Que sua difusão seja limitada, aqui e em todos os lugares. Que cessem os interesses das partes, esses interesses externos que não interessam à população local. Que se dê voz aos construtores, aos artesãos da paz! Aos pequenos, aos pobres, ao povo simples, que quer viver, trabalhar, rezar em paz. Chega de violências, extremismos, facções e intolerâncias”, disse o líder católico.

Maravilha! Em tudo, quando no caminhar aparecem obstáculos, devemos voltar às origens. Refazer o que tem que ser refeito e, continuar andando até o último degrau.
Deus te abençoe, Irineu!

**O Altíssimo é quem dita o conteúdo principal. O verdadeiro Autor.***
Sempre encantando com essas maravilhas, que pra mim são de suma importância.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *