Nossa Biografia

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print
Areopago-Irineu-Biografia

Neste primeiro dia do Ano Novo, não quero me ater ao fato triste do ano anterior sobejamente conhecido que ainda persiste e traz preocupação ao mundo inteiro: a pandemia do novo coronavirus (Covid 19).

Ontem, dia 31 de dezembro fez um ano que a China comunicou a presença do vírus à Organização Mundial da Saúde.

Tive em 2020 a perda do meu irmão Auro e, no penúltimo dia, da minha irmã Maria Lúcia. A Sonia havia se despedido no ano anterior. Perdi um compadre também. Todos muito queridos e amados. Nenhum foi por Covid 19.

Tenho certeza de que essa história é bastante similar à de muitos dos que estão lendo. Evidentemente, alguns mais, outros menos, mas igualmente sofridos.

Entretanto, houve histórias de superação, muitas notáveis. Anciãos vencendo a doença, bebês nascendo, enfim, a vida insistindo em dar o ar da graça. Derrotando a Covid 19.

Da Família Uebara, do casal Mário e Joanita, sou o último dos filhos a sobreviver, apesar de ser o primogênito. Ainda preciso fazer mais, antes de partir… é uma reflexão possível, dentre tantas.

Convido-o (a) a me acompanhar num breve raciocínio que me surgiu ante tantas ocorrências:

Quantas linhas tem a sua biografia? Nunca escreveu? Se você tivesse, por força do ofício ou das circunstâncias, conseguiria construir um texto mesmo que diminuto a respeito do seu ser?

Imagine-se numa entrevista de emprego. Antes de qualquer conversação, são colocadas em suas mãos a folha de papel em branco e a caneta:

Escreva em quinze linhas, no máximo, um pequeno relato biográfico. Os dados que você já preencheu no formulário são dispensáveis. Aborde os valores que cultua, o que você gosta de fazer, enfim, a redação é livre e espontânea. Não precisa mencionar o time para o qual torce. Escreva sobre os seus hobbies, os projetos dos quais participou, a visão de família. Importante mencionar algo que fez você se sentir orgulhoso de existir e aquilo que mais almeja! Boa sorte!

Você olha para os lados e enxerga outros candidatos concorrentes! E agora? Agora é você consigo mesmo, sozinho! Não dá pra colar.

“Cada um de nós compõe a sua história” diz a inspirada música. Cada um encerra dentro de si a centelha divina que é alimentada e preservada com todo o seu ser e agir. Cada gesto, por menor que seja, é uma linha biográfica lida pelos seus amigos e também pelos inimigos.

Escreva tudo com afeto de tal forma que, ao colocar o ponto final, o mundo entenda que não escreveu mais por causa da brevidade desta vida. Nada impeça transformar o ponto em vírgula, com acréscimo de um “mas” ou “e”: conjunção adversativa ou aditiva. Dependerá do texto que construiu, do contexto que viveu.

Ah! Mas tem também a conjunção alternativa, a conclusiva e a explicativa; estas podem conformar a sua biografia, não as ignore!

Pense muito sobre isso. Inspire-se na biografia de alguém que partiu e que tenha servido de exemplo para você! Se for de algum santo, tenha certeza de que nenhum deles foi canonizado só por sua vida virtuosa, necessariamente, foi por amor de Jesus Cristo!

Se não for de ninguém elevado à glória dos altares, certamente, será de alguém que de uma forma ou outra, contribuiu para a construção de um mundo melhor em sua área de atuação, o que revela a presença de Cristo, mesmo que não O mencione.

Façamos do homem em construção em cada um de nós, uma joia preciosa, que agrade ao Senhor! A imagem e semelhança do Criador em cada um impresso não deve ser vilipendiado pelas concupiscências da carne!

Saudamos o advento da vacina contra a Covid 19 que traz a perspectiva de dias mais radiantes de alegria.

Repudiamos todo o negacionismo que só acarreta desânimo e confusão!

Rezo para que um dia, o mundo inteiro se sinta agraciado pelo Amor de Deus, inversamente, ao pânico instaurado por esse vírus que atordoou o mundo todo!

Já pensou, aproximadamente, sete bilhões e meio de habitantes se abrindo ao Salvador ou, mesmo que não seja em nome de Jesus, buscando fazer o Bem?

Um propósito sadio que aprendi e o pus em prática, que ouso passar a todos, esperando que faça bem e traga Paz: Não descuide da emoção, da sensibilidade. É muito importante cuidar dessa dimensão. Muitas vezes, nos ocupamos de muitas coisas e nos esquecemos de cultuar o belo. Uma música, uma leitura, uma obra de arte, sei lá. Temos que colocar mais alma e coração nas coisas. Só acessar a inteligência pode ser desgastante.

Um 2021 de Paz, saúde e realizações!

Separamos outros artigos que talvez possa interessar

3 respostas em “Nossa Biografia”

Nossa biografia, de quantas linhas precisaríamos para detalha – las?
Jamais imaginaríamos o cenário que assola o mundo atual, com a presença do coronavirus, impondo 0 isolamento e distanciamento social para nos garantir a sobrevivência e manutenção da vida.
Pior ainda ter que deparar com perdas preciosas de familiares não por Covid, mas por outras doenças fatais,tanto quanto provocadas por esse vírus devastador.
A partida da Sônia, bem como a do Auro e da Lucia deixaram um vazio imensurável e doloroso, mesclado de saudades.
Saudades essas que nos trazem doces e belas lembranças de sorrisos abertos, energias positivas e contagiantes que irradiavam uma sensação de gratidão e bem estar com a vida.
Vamos superar essas perdas com fé e esperanças em Cristo por dias melhores.
Força Irineu, meu querido sobrinho!
Um abraço com carinho.
Que Deus o abençoe

Irineu,
A vida bem como a morte são verdadeiros mistérios.
Os desígnios de Deus devem prevalecer sobre as nossas dores, emoções e indagações, na certeza de que ele sabe o que é melhor para cada um de nós.
Oremos para os nossos entes queridos:Sonia, Auro e Lucia que partiram tão precocemente, deixando doces e boas recordações na memória de todos que tiveram oportunidade de conhecê-los
E vamos nós continuar com a nossa jornada da vida procurando semear o amor,a paz,.o bem com fé e esperanças por dias melhores.
Força meu querido sobrinho e que Deus o abençoe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *